MCMV

Dois polos aparentemente opostos e não conciliáveis: singularização e produção em série. Moradias-padrão cuidadosamente calculadas para otimização de recursos. Vias em arranjos ortogonais com acesso fácil, porém não diferenciáveis. Espaços livres em amplas faixas unindo ruas, calçadas e o céu. Amplidão de horizonte sobre a linha rasa das residências. Próximos uma da outra, duas unidades habitacionais: uma vazia, em etapa de finalização (2015-16), já  outra ocupada, consolidada (>2011).

Na monótona repetição que caracteriza a ocupação desses dois locais a amplitude do olhar persiste em contraponto aos limites domésticos, privados, guardados pelos muros. Na rua, espaço público, espaço livre, diluem-se em sua própria amplidão. O que é "morar aqui”? O que é viver entre a repetição das casas e o olhar que tudo abarca e dele se esquece? Nesta fronteira o documentar, o sentir e o habitar, foram objeto de pesquisa visual sobre o Programa Minha Casa Minha Vida (MCMV), realizado no Instituto de Arquitetura e Urbanismo (IAU-USP São Carlos), sob a coordenação dos professores Luciano B. Costa e Luciana Schenk. Em constante incorporação de novas imagens, essa primeira etapa contou com a participação e produção de imagens dos alunos, Renan Gomes, Daniela Myahara, Letícia Alencar, Beatriz Mega.

DM_ (8)
DM_122015 (13)
DM1215--15
LBout2015-0829
LBMCMV-9225
LBMCMV-1193
LBMCMV-1179
LBMCMV-8488
LBMCMV-7972
Revista_MCMV APRESENTACAO-11
LBMCMV-9505
Revista_MCMV APRESENTACAO-13
Revista_MCMV APRESENTACAO-16
Revista_MCMV APRESENTACAO-24
LB1115-7982
Revista_MCMV APRESENTACAO-20
LB0616-2225
LB1115-8176
LB1215-9270
DM122015 (7)

© 2017  Luciano Bernadino Costa. Por Igor Gimenes